Mamãe você me ama? Tradução: Gilda de Aquino/Mama, do you love me? by Barbara M. Joosse

Mamãe você me ama? Tradução: Gilda de Aquino

Mamãe você me ama? Claro que amo, minha querida.
Quanto?

Amo você mais do que o corvo ama seu tesouro, mais do que o cão ama sua cauda, mais do que a baleia ama seu esguicho.

Por quanto tempo?
Amarei você até meu umiak voar pela escuridão até as estrelas virarem peixes no céu e o papagaio-do mar uivar ao luar.

Mamãe, e se eu carregasse nossos ovos – nossos ovos de ptarmigan! – e tentasse tomar cuidado, e tentasse andar devagar, mas, caísse e os ovos se quebrassem?
Aí eu ficaria com pena. Mas, mesmo assim, amaria você.

E se eu colocasse um salmão no seu parca, arminhos nas suas luvas, e lemmings nos seus mukluks?
Aí eu ficaria zangada.

E se eu jogasse água na nossa lamparina?
Aí Minha Querida, eu ficaria muito zangada. Mas, ainda assim, amaria você.

E se eu fugisse?
Aí, eu ficaria perocupada.
E se eu ficasse fora, cantasse com os lobos e dormisse numa caverna?
Aí, Minha Querida, eu ficaria muito triste. Mas, ainda assim, amaria você.

E se eu virasse um boi-almiscarado?
Aí, eu ficaria espantada.
E se eu virasse uma morsa?
Aí, eu ficaria espantada e com um pouco de medo.

E se eu virasse um urso-polar e fosse o urso mais bravo que você já viu, e tivesse dentes brilhantes e afiados, e perseguisse você até sua tenda e você chorasse?

Aí, eu ficaria muito espantada e com muito medo.
Mas, ainda assim, dentro do urso, você seria você, e eu amaria você.
Amarei você, eternamente e para sempre, porque você é Minha Querida.

Mama, do you love me? by Barbara M. Joosse

Mama, do you love me? Yes I do Dear One.
How much?

I love you more than the raven loves his treasure, more than the dog loves his tail, more than the whale loves his spout.
How long?
I’ll love you until the umiak flies into the darkness, till the stars turn to fish in the sky, and the puffin howls at the moon.

Mama, what if I carried our eggs – our ptarmigan eggs! – and I tried to be careful, and I tried to walk slowly, but I fell and the eggs broke?

Then I would be sorry, but still I would love you.

What if I put salmon in your parka, ermine in your mittens, and lemmings in your mukluks?
Then I would be angry.

What if I threw water at our lamp?
Then Dear One, I would be very angry but still, I would love you.

What if I ran away?
Then I would be worried.
What if I stayed away and sang with the wolves and slept in a cave?
Then, Dear One, I would be very sad. But still, I would love you.

What if I turned into a musk-ox?
Then I would be surprised.
What if I turned into a walrus?
Then I would be surprised and a little scared.

What if I turned into a polar bear, and I was the meanest bear you ever saw and I had sharp, shiny teeth, and I chased you into your tent and you cried?

Then I would be very surprised and very scared. But still, inside the bear you would be you, and I would love you. I will love you, forever and for always, because you are my Dear One.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s